Rui era foda sabia meter e comer um rabo como ninguém, dei para ele algumas vezes, quando me encontrava mandava eu subir no carro e iamos lugares deserto onde eu mamava e dava feito louco para ele.

O mal foi que ele contou para seus amigos e eles passaram a me assediar e dizer ia contar para minha tia que trabalhava na escola, fiquei com medo pois se meu pai soubesse me mataria era muito bravo e rigido.

Primeiro foi Zeca, disse que queria me comer e não adiantaria dizer não, que Rui disse que eu mamava gostoso e que ele estava doido para levar uma chupada e queria gozar no meu cuzinho, e que me esperaria na saida da escola...

Quando eu sai, Zeca estava la esperando, disse para mim seguir ele, como escola era saida da cidade logo começava o matagal eu segui...

Ele entrou no mato eu entrei atrás, assim que arrumou um lugar ele parou e colocou a jeba para fora, não era grande mas era grosso e cabeçudo, cai de boca no pau engolia todo ele, dava para colocar tudo na boca, mamei bastante, depois disse a ele: me fode, meu cu quer pica, deitei chão ele guspiu no pau e me fudeu bombava com força consegui gozar sem colocar a mão, Zeca metia bem e disse quero te pegar na cama te arregassar...

Assim que gozou ele me deu uns trocados e me deu um selinho e nos despedimos...



Autor:marcos
E-mail - brunoparadalouca@gmail.com
Skype - Não Divulgado
FONTE - Conto Enviado pelo Internauta.