Desde que meu professor me comeu primeira vez passei a ter vontade de dar meu cu não podia ver homem com volume que ja imaginava aquilo dentro de mim, fiquei viciado em um cacete...

Depois dos padres eu ja estava ficando um adolecente ja nascia pentelhos, a voz ja mudara minha bunda parece aumentava, cada dia eu estava mais bonito e chamava atençao por onde eu passava, certo dia sai caminhando sem rumo estava doido meter,sai da cidade peguei uma estrada e logo adiante avistei um mulato que devia ser boia fria estava chegando serviço...

Ele me cumprimentou e me disse nossa que bunda voce tem parece de manina, eu respondi quer comer ele ficou sem jeito, e retrucou voce não aquenta, eu abaixei meu calção e mostrei a ele ele nossa coisa linda, vamos entrat aqui no mato, segui ele entramos achamos lugar, ele começou apertar minha bunda, e perguntava se ja tinha dado, eu não respondia nada, logo colocou pau para fora nossa que grande e grosso, eu massageava aquele pau ele ficava cada vez mais duro, não aquentei cai de boca, sugava lambia ele se contorcia acho nunca viu tanta doidera naõ estava aquentando mais pediu para ficar de quatro, passei guspe meu burraquinho ajeitei cabeçona na entrada...

Ele foi forçando eu gemia pedia ir devagar, ai por favor ta doendo devagar, logo parei e disse melhor deitado chão de quatro doi muito passei mais saliva e deitei empinei minha bunda e pedi para ele meter, doia muito mas eu queria aquela vara toda em mim, foi entrando aos poucos, eu gemendo e pedindo para ele meter, ele moleque voce aquenta uma pau hein, vai mete fundo, sentia sua vara toda dentro, suas bolas batendo minha bunda, disse ia gozar, eu pedia vai me enche de leite, ele ficou fundo quase desmaiei,senti seu gozo dentro de mim, assim tirou pau vi tinha sangue era maior pau tinha pego...

Ele se limpou e ficamos por la um pouco ele bolinhando meus peitinhos minha bunda e punhetando sua vara, e dizia olha pau entrou todo em voce, olhei direito nem acreditei...

Ele ja estava duro, sentei em cima e cavalguei ate ele gozar de novo, e marcamos encontrar mesmo lugar mesmo horario...



Autor:bruno
E-mail - brunoparadalouca@gmail.com
Skype - Não Divulgado
FONTE - Conto Enviado pelo Internauta