Olá, meu nome é Gabs ( nome fictício ) e faz um bom tempo que eu gostaria de contar essa história para alguém, daí lendo alguns contos, pensei em escrever um..

Como disse meu nome é Gabs, tenho 18 anos, 1,78 de altura, 80 kg, branco com de olhos claros de cor mel.. moro em Fortaleza CE e hoje vou contar um conto curioso com meus primo, no qual o destino dessa história eu sempre quis saber.. (vocês vão entender ao longo da história)

Eu moro em Fortaleza, e sempre viajo para o interior visitar meus parentes, geralmente aos domingos, sempre passo o dia inteiro lá, na maioria das vezes deitado escutando musica, dormindo, ou fazendo alguma coisa pra relaxar.

Certo dia, uma prima minha me convidou pra ir pra uma vaquejada ( geralmente duram 2 ou 3 dias) e achei interessante, porque nunca tinha ido a uma, então aceitei o convite, e fui numa sexta feira a tarde com meus pais.

Meus pais sempre ficavam na casa da minha avó, e eu gostava de ficar na casa da minha tia ( que era poucos quarteirões de la) e fui dormir na casa da minha tia porque estava cansado da viagem, e eu adorava ficar lá porque sempre achei mais tranquilo de tirar um cochilo, e eu sempre gostei da minha tia porque ela me trata super bem, além do fato de gostar da presença 'distante' (mas bela de se ver) do meu primo David. Minha tia tem três filhos (dois homens, e uma mulher) mas apenas um morava com ela, os outros são mais velhos e casados.

O fato da minha tia me bajular, e ficar me agradando enquanto estou lá sinto que não agrada muito meu primo. (ciumes talvez).

David tem a mesma idade que eu, 18 anos, um pouco mais baixo, deve ter cerca de 1,76 , mas aparenta ser um pouco mais alto que eu, por ser um cara bem forte, é branquinho, e tem olhos castanhos.. bem bonito sabe! Ele é do tipo heterão, cara de macho, a sensação na cidade pequena. sempre estar nas melhores festas, sempre sendo bancado por alguém. /risos (Sempre desconfiei que havia troca troca entre amigos que bancam ele)

Voltando ao conto.. dormi a tarde inteira na casa dele, e quando acordei fui tomar banho e me arrumar pra festa, já que já era de noite. assim que saí do banho, ele logo entrou só de toalha, eu vi aquele corpo sarado, e os músculos bem definidos, e sorri. Ele continuo sério, como sempre. Não sabia que ele ia pra festa, também não perguntei. Me arrumei e fui na casa da minha vó, cheguei lá todos já estavam prontos, comi um sanduíche rápido, peguei o carroe fomos pra festa fui com algumas tias, primas e os meus pais( não se assustem e achem que meus parentes são daqueles chatos e tal.. eles são do tipo que estão em todas as festas , e são tri loucos e pá)

Chegamos na festa, já comecei a beber com minhas primas..

Comecei a dançar , e tal. quando vi David com uns amigos dele. achei que ele nem viria mais porque ele tinha demorado muito pra chegar, eu já tava me soltando. :3 kk

CONTINUA...

Autor: Gabs luck
E-mail - eideliciamedaumamordida@hotmail.com
MSN - Não Divulagado
FONTE - Conto Enviado pelo Internauta