O meu nome e fernando apelido nando tenho 28 anos corpo normal sou bi curto de tudo no sexo ; hoje vou contar a foda que tive com meu novo vizinho saradão.

Na primeira semana desde ano era uma segunda-feira e eu estava em casa e ouvi barulho na casa ao lado que estava vazia fui na janela do meu quarto olhar e eram os novos vizinho chegando, ela uma loira bonita alta e quando fui ver o cara que isso gente o cara era uma delicia um deus grego alto fortão, um negro lindo uma tatoo nos braços manera no outro dia minha mãe foi la dar boas vindas aos vizinho e me chamou fui com ela nos apresentamos e ela disse que era professora e ele segurança e são recem casados, minha mãe convidou eles para vir almoçar conosco, eles aceitaram e criamos uma amizade legal, uma semana depois acordei de manhã com uma gritaria era o carlos e a joana discutindo depois parou, voltei a dormir e acordei logo depois pois tava muito calor e fui na janela me refrescar e olho pra casa do carlos ele estava na piscina sozinho falei com ele, ele me chamou para ir la se refrescar com ele e claro que fui, tava muito quente...

Coloquei uma bermuda e fui la, entrei com ele na piscina e perguntei pela joana ele disse que ela foi fazer umas entrevistas de emprego pois queria trabalhar em escolas aqui perto, eles moravam meio longe antes, ele tava bebendo uma cerveja me ofereceu tb aceitei e eu disse nunca vejo vc cedo acordado, ele disse vc nao ouviu a briga hoje cedo falei sim ele disse é a joana ela tem muito ciumes de mim por causa do meu trabalho e que cheguei em casa com arranhão no pescoso falei que foi uma briga que separei la na boate ele nao acreditou, poxa cara eu fico bolado disse ele, eu nao traio minha mulher desde que casei com ela, eu confesso, antes do casamento eu traia mesmo, ficava com muitas mais por ser acusado do que nao faz é foda, da vontade de sair e pegar a primeira que aparecer, e eu pensei alto e falei ou o primeiro ne, ele parou e ficou me encarando, eu quase me engasquei com e cerveja não pensei no que tinha falado, cara maior medo de apanhar do negão ele não falou mais nada ficou me encarando serio, eu fiquei super sem graça nao sabia o que falar, ai perguntei a ele onde era o banheiro ele me informou sai de fininho entrei no banheiro sem saber o que fazer, fiquei la um pouco e logo que sai o Paulo estava encostado na parede do corredor e perguntou ta tudo bem? Eu falei ta sim eu fui e disse desculpa pela brigadeira Paulo eu não queria disser aquilo, ele chegou mais perto me pegou no braço e disse, porque vc falou aquilo, falei nada tava brigando, ele falou tava brigando mesmo? Falei sim, ele foi me encostou na parede e apertou meu braço e disse tava zuando mesmo ou queria disser alguma coisa, antes de eu responder ele tapou a minha boca e disse, ja percebi que vc ta afim de mim cara vi seu volume na bermuda na piscina, sabe de uma coisa, te curti tambem safado, tirou a mao da minha boca e me beijou e disse me chupa vai pegou minha cabeça e abaixou e tirei sua bermuda e seu pau saiu aquele pau enorme e grosso, eu cai de boca engoli ele todo ele foi começou a fuder a minha boca e eu quase engasgando, depois ele me levantou me colocou em cima da messa da cozinha e começou a lamber meu cu deliciosamente parecia faminto e logo começou a chupar meu pau tb, depois ele sentou na cadeira e me puxou para sentar, sentei o cara rasgou meu cu que pauzão e grosso peguei um pouco de oleo mesmo na cozinha e passei nele, sentei e entrou tudo cavalquei muito naquele pauzão, depois ele me deitou na mesa e me colocou de frango assado e meteu tudo depois de quatro o safado metia feito louco e logo disse que iria gozar eu pedi para gozar dentro ele meteu ate gozar depois, chupei o gozo dele todo com o gosto do meu cuzinho depois ele me beijou e disse agora e a sua vez vem come o que vc tava louco para comer vem, encostei ele na parede enpinei a bunda dele que cuzão cara lisinho e enpinado meti o pau todo cuzinho apertado o puto gemia muito e dizia mete vai, desde da epoca do exercito que nao dou, ele mete seu puto, deitei no chão e ele veio e sentou no meu pau e cavalcava rapido e depois coloquei ele de quatro meti ate as bolas e logo coloquei ele de lado meti muito naquele cuzão do putão e falei que riria gozar ele pediu na boca levantei e fodi a boca dele ate gozar, ele engoliu tudo e depois nos beijamos e colocamos a bermuda e fomos para a piscina...

Continuanos bebendo, aquela manhã chamei ele para almoçar conosco ele aceitou, ele ficou a tarde toda comigo depois do almoço minha mae saiu para fazer as vendas dela e ficamos fudendo no meu quarto a tarde toda ate a Joana esposa dele chegar, ela nao viu ele em casa e ligou e ele disse que estava aqui em casa jogando video game comigo, ele desligou o tel e rimos muito eu falei que joquinho gostoso heim Paulo, colocou as roupas e foi embora mais agora somos grandes amigos as vezes ele vem aqui em casa ou eu passo a tarde fudendo com ele na casa deles depois eu conto o que conteceu uma noite quando ele foi trabalhar comigo e a joana esposa dele ta blz abraços.

Autor: Nandogg23
E-mail - nando_gg23@hotmail.com
MSN - Não Divulagado
FONTE - Conto Enviado pelo Internauta