Meu nome é José Carlos, tenho 54 anos e moro no Rio de Janeiro, tinha saido mais cedo do serviço, e não queria ir prá casa, então resolvi ir numa sauna que fica no Catete, sou casado e por isso tem que ser sauna bem discreta.

Entrei na sauna, peguei minha chave e fui para o vestiário, tirei minha roupa e me enrrolei na toalha, notei que havia dois outros caras no vestiário e um passava creme na bunda do outro, subi para o segundo andar e fui para a sauna seca, ao entrar tinha tres homens sem toalhas, todos de picas duras, tirei minha toalha e me deitei na sauna de bunda para cima, fiquei olhando e vi quando um coroa de cabelo grisalho começou a chupar outro coroa, enquanto o outro ficava olhando e tocando um punheta.

Fiquei de pica dura e me virei e comecei a tocar uma punheta também, o homem que estava olhando se levantou e veio até a minha pica, segurou e colocou na boca, como me chupava gostoso, levantei um pouco a perna e ele notou o que eu queria e enfiou um dedo no meu cuzinho, tremi de tesão, ele então me perguntou se eu já tinha dado o cu, eu respondi que já mas que tinha muito tempo, ele me perguntou se eu queria dar prá ele, respondi que sim, ele me mandou ficar de quatro no banco então eu olhei para os outros dois coroas que estavam nos olhando, ele me mandou ficar de quatro que os coroas iam ficar olhando ele me comer e que eu ia adorar.

Fiquei de quatro e abri bem a bunda e vi que ele pegou uma camisinha e colocou na pica que devia ter uns 18 cms, me abraçou pela cintura e começou a meter mas meu cuzinho estava seco e apertado, não entrava, ele então se abaixou e lambeu meu cuzinho, fui ao delirio com a lingua dele no meu cu.

Os coroas se tocavam olhando nossa sacanagem, então ele voltou a mirar a pica no meu cu, e começou a meter eu gemia muito pois doia, então um dos coroas que estava olhando ofereceu creme e eu aceitei, então ele apanhou um tubo e colocou um pouco no meu cu e passou a enfiar o creme com um dedo e depois dois dedos até eu ficar bem lubrificado, aí o homem que devia ter uns 45 anos me virou de lado e meteu aquela pica, bem devagar, senti entrar tudo, que delicia quando senti o saco dele bater na minha bunda, em agradecimento levei a mão e segurei na piroca do coroa que havia passado creme no meu cu, ele se aproximou e colocou a pica na minha boca, e eu chupei bem gostoso enquanto o outro socava no meu cuzinho, me chamando de viadinho e mandando eu chupar o coroa, eu obedecia com prazer.

Quando eu olhei vi que o terceiro coroa estava colocando uma camisinha também, eu continue chupando um e sendo enrrabado por outro, derrepente sentir ele tremer e socar com força a pica engrossar e ele gozar e gemer de tesão, o coroa que estava colocando a camisinha perguntou se ele havia gozado, ele tirando a piroca do meu cu disse que sim, então o outro coroa veio e ficou no lugar dele e me enrrabou com força, como ele tinha a pica mais grossa entrou me rasgando, eu gemi com dor, o coroa me mandou aguentar pois ele ia me deixar com o cuzinho bem largo e ardido, que era prá eu continua chupando o amigo dele.

Obedeci é claro, enquanto ele socava eu empinava bem a bunda prá não doer tanto, ele socava e tocava uma punhetinha no meu pau que estava duro e quase gozando o que não demorou a acontecer, esporrei na mão dele, isso fez com que ele ficasse com mais tesão e socasse com mais força me fazendo gemer, o coroa que eu estava chupando vendo a cena gozou na minha boca me fazendo engolir sua porra.

Então o coroa que estava me enrrabando me mandou sentar no colo dele, eu fiz sentei até entrar tudo no meu cuzinho, ele me virou e me deu um beijo na boca, e me disse que eu tinha um cuzinho muito gostoso, que eu fodia melhor que a mulher dele e eu rebolava no colo dele, então ele me perguntou se podia gozar no meu cu sem camisinha, eu não deixei é claro, então ele me mandou ficar de pé e me abaixar um pouco e me enrrabou em pé e socou com mais força, acho que com raiva por eu não deixar ele gozar sem camisinha e logo gozou, saimos os quatro da sauna todos suados e fomos tomar uma ducha morna, meu cu ardia muito, quando eu tomava banho passei o dedo nele e senti ele mas largo e bem ardido, senti que eu não aguentaria outra foda, apesar de ter visto um cara branco com uma pica linda tomando banho, devia ter uns 20 cms e estava meio dura, como estava próximo dele me virei de costas prá ele e senti sua mão alisar minha bunda, deixei cair o sabonete e me abaixei prá pegar, ele então esfregou a pica na minha bunda e já estava bem dura, os tres caras que estavam comigo na sauna vendo a cena me desejaram boa sorte e sairam do banho enquanto o homem branco me abraçava pela cintura e me beijava a nuca e me perguntou se eu queria sentir aquele mastro dentro do meu cuzinho, me virei de frente prá ele e disse que adoraria mais eu já estava todo ardido, pois os tres caras que havia entrado comigo no banho havia me enrrabado e me deixaram bem fudido.

Segurei naquela piroca linda e dura me abaixei e dei um beijo na cabeça e engoli ela bem rápido até chegar na garganta, como chegou mais gente no banho eu me levantei me despedi dele e disse que ficava prá outro dia, sai dali e fui pro vestiário me vesti e fui prá casa todo satisfeito.

Quando cheguei em casa minha mulherzinha estava cheia de tesão e queria fuder, dei uma desculpa e fui dormir, não queria saber de buceta naquela noite, pois já tinha tomado no cu até dizer chega e estava muito contente...

Outras idas minhas nessa sauna aconteceu, mais isso eu conto noutra ocasião...

Autor: José Carlos
E-mail - j.c.2000@hotmail.com
MSN - Não Divulgado
Conto enviado pelo internauta.