Quando tinha 15 anos, hoje tenho 25, fui para Floripa passar uns dias na casa da minha tia, na época ela era casada com um cara de uns 35 anos, alto, moreno e de olhos verdes, seu corpo parecia esculpido.Quando conheci meu novo titio fiquei com muito tesão.

Num sábado ela saiu para trabalhar e eu fiquei sozinho em casa com o meu tio, pois ele não trabalhava aos finais de semana.

Ele tomou um banho e ficou só de cueca na sala assistindo televisão e eu fiquei vendo aquela visão maravilhosa e imaginando mil e uma coisas.

Ele logo pegou no sono e eu percebi o volume maravilhoso que fazia sob a cueca branca, na hora o instinto foi mais forte que eu e eu cheguei perto do pau dele e dei uma cheirada, aquele cheiro de macho me excitou muito!

Estava trêmulo de medo dele me pegar, mas o tesão era maior, fiquei ali perto da cueca dele cheirando aquele mastro e me masturbando, fechei os olhos e fiquei imaginando eu chupando aquela rola enorme.

Quando abri os olhos ele estava olhando para mim, eu gelei na hora! Ele virou e disse-Pelo jeito vc curte rola né viadinho?

Eu gaguejei e disse que não, era um engano tudo aquilo, e ele me ameaçou-Sua tia vai ficar sabendo disso.

Eu comecei a chorar e pedir para que ele não contasse nada, e ele me respondeu-Ok, não conto nada mas hoje a noite vc vai jogar baralho comigo e com os meus amigos tudo bem?

Na hora eu concordei, e me tranquei no quarto imaginando pq ele queria que eu fosse jogar baralho com ele e com os amigos.

A noite me troquei e nós fomos na casa de um amigo dele jogar baralho, no carro ele não falou nada, nem sequer trocamos uma palavra. Chegando na casa desse amigo dele vi que haviam 3 homens de uns 35 anos mais ou menos, me sentei no sofá e fiquei vendo os 4 conversando e me olhando.

Meu tio chegou perto de mim e falou:

- Vamos jogar baralho e vc vai chupar caralho hoje!

Eu fiquei sem entender nada, até ver os amigos dele tirando a roupa e vindo na minha direção, o primeiro pegou a minha cabeça e levou até o pau dele, eu estava assustado e ao mesmo tempo excitado.

Chupei aquele cara com vontade, ouvi gemidos do gostoso o tempo todo, o segundo veio e começou a lamber meu cu, ele falou:

- Esse é viado mesmo, o cu ta até cheiroso pronto para dar!

Meu tio ficou só observando eu chupar aqueles 3 homens, estava uma delícia até um deles me colocar de quatro e começar a enfiar a rola, eu nunca tinha dado na minha vida e estava com medo.

O cara se irritou comigo e começou a me dar tapas na cara e dizer.

- Abre esse cu viadinho eu quero te comer. Eu supliquei para ele não fazer aquilo, mas meu tio veio e me deu um tapa na cara e falou. -Eu vou comer o seu cu e vc não vai reclamar pq senão sua tia vai saber disso.

Eu estava apavorado com a idéia da minha tia ficar sabendo e então aceitei que meu tio comece meu rabo, quando ele tirou o pau pra fora pude ver o quão grande e grosso era aquele pau, cheio de veias com uma cabeçona rosa, ele colocou a camisinha e lambuzou meu rabo de gel.

Falou que eu ia adorar o pau dele, e enfiou de uma vez só, eu gritei de dor e ele me deu um tapa na bunda e disse para eu calar a boca, ele socava com força e eu gemia de dor e as lágrimas escorriam.

Logo meu gemido foi calado com o caralho de um dos amigos dele, eu dava e chupava ao mesmo tempo.

Foi assim durante horas, todos eles me comeram a noite toda, quando estava amanhecendo meu tio falou.

- Já é quase de manhã, está na hora de dar o leitinho quente para o meu sobrinho.

Eles me deitaram no chão e vieram por cima de mim, o meu tio fez eu chupar o seu pau e eu senti aquele pau inchando na minha boca, ele esporrou muito, eu ia cuspir mas ele me disse que se eu cuspisse ele ia me bater ainda mais, falou para eu engolir cada gota da sua porra.

Eu engoli a porra dele, veio o amigo dele e fez o mesmo, e depois o outro e por fim o outro, o último esporrou tanto na minha boca que eu quase engasguei, cuspi parte da porra no chão.

Meu tio ficou bravo e pegou minha cabeça e esfregou no chão, falou para eu passar a lingua até pegar a ultima gota de porra, eu fiz o que ele mandava, depois disso eu fiquei deitado no chão chupando o pau mole dos 4 e me masturbando, eu gozei muito, estava com um baita tesão.

Me levantei, coloquei a roupa e fiquei esperando meu tio no carro, quando ele se despediu dos amigos veio até a mim e falou, agora vamos para o motel, eu ainda tenho muito leitinho para te dar.

Mas isso fica para um próximo conto...

Autor: Vince
E-mail - Não Divulgado
MSN - Não Divulgado
Conto enviado pelo internauta.